O défice de participação da sociedade civil portuguesa é o primeiro responsável pelo "estado da nação". A política, economia e cultura oficiais são essencialmente caracterizadas pelos estigmas de uma classe restrita e pouco representativa das reais motivações, interesses e carências da sociedade real, e assim continuarão enquanto a sociedade civil, por omissão, o permitir. Este "sítio" pretendendo estimular a participação da sociedade civil, embora restrito no tema "Armação de Pêra", tem uma abrangência e vocação nacionais, pelo que constitui, pela sua própria natureza, uma visita aos males gerais que determinaram e determinam o nosso destino comum.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Os incómodos das obras também estiveram presentes no desfile do carnaval



3 comentários:

Anónimo disse...

A Sr.ª Presidente em vez de andar a brincar ao carnaval devia preocupar-se como estão a ser efectuadas as obras em Armação.

Até parece que a câmara não tem fiscais.

Anónimo disse...

A câmara não tem fiscais?! Então não tem?!! O que se chama áqueles senhores que passam os dias perseguir empresas, comerciantes e ciadadãos que cometeram o crime de discordar da palhaçada?! Os cafés do regime, por exemplo, dispensam licenças e taxas. Já os outros são obrigados a ter cagadoiros em ouro. As imobiliárias do regime podem colocar faixas, lonas, cartazes e panfletos. As outras são constituidas arguidas em ofensas contra o município. Os construtores do regime vendem imóveis sem licença de utilização, sem vistorias e sem taxas pagas. Os outros são embargados porque o cabo-verdiano mijou no pilar e devia ter mijado na palmeira. As associações do regime recebem fundos para pagar as férias dos directores. As outras recebem avisos de que se não pagam a conta da água estão lixadas.

Este concelho é uma vergonha, um nojo. Acontecem aqui coisas que só o Robert Mugabe tem coragem de fazer e ninguém diz nada. A oposição é corrupta, ou corrompida em nome de lugares e tachos. No dia em que o país olhar para Silves com olhos de ver vais ser uma vergonha.

Anónimo disse...

E vamos ver se para o proximo ano, as obras não continuarão a ser um incomodo para o Carnaval Trapalhao....

Armação de Pêra em Revista

Visite as Grutas

Visite as Grutas
Património Natural

Algarve