O défice de participação da sociedade civil portuguesa é o primeiro responsável pelo "estado da nação". A política, economia e cultura oficiais são essencialmente caracterizadas pelos estigmas de uma classe restrita e pouco representativa das reais motivações, interesses e carências da sociedade real, e assim continuarão enquanto a sociedade civil, por omissão, o permitir. Este "sítio" pretendendo estimular a participação da sociedade civil, embora restrito no tema "Armação de Pêra", tem uma abrangência e vocação nacionais, pelo que constitui, pela sua própria natureza, uma visita aos males gerais que determinaram e determinam o nosso destino comum.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Quando"ir bem", num pais que vai mal, não é suficiente...

3 comentários:

Anónimo disse...

Assembleia Municipal de Silves vota contra o aumento da taxa do IMI.
Não foi desta mas na práxima reunião a coisa bem calha passa.

Anónimo disse...

Sporting proíbe calças de ganga

Conselho Diretivo do Sporting anunciou novas normas internas que proíbem a utilização de calças de ganga por parte dos funcionários do clube, de forma a refletir os "valores do Grupo Sporting".


O diretor desportivo do Sporting , Costinha, é o primeiro a admitir que adora fatos, daí que tenha ficado com a alcunha de 'ministro'. Por isso, é provável que o ex-jogador seja o funcionário do Sporting menos preocupado com as novas normas de indumentária implementadas pelo Conselho Diretivo desde a semana passada.

A partir de agora, todos os funcionários e colaboradores do clube de Alvalade estão proibidos de vestir calças de ganga, noticia hoje o jornal "Record" na sua edição impressa.

Os responsáveis "leoninos" consideram "imperativo que os valores do Grupo Sporting se vejam refletidos em todos os seus funcionários", para que todos tenham "uma imagem profissional, dentro dos parâmetros habituais de higiene e de vestuário adequado, questão que tem um impacto muito importante na representação e imagem do próprio clube."

Blazers obrigatórios na tribuna

Para além da proibição da utilização de calças de ganga, o Conselho Diretivo do Sporting também desaconselha o uso de calções, bermudas, ténis e chinelos. A missiva interna distribuída pelos funcionários também refere que é de evitar a "exposição de piercings e tatuagens".

Já na época passada os funcionários "leoninos" tinham sido advertidos para a obrigatoriedade de utilizarem blazers sempre que estivessem presentes em compromissos da equipa na tribuna presidencial do Estádio Alvalade XXI.

Sustelo Santos disse...

A "coisa" não passa em próxima assembleia, por que tem validade de um ano.

A "coisa" só será novamente analisada, se assim for entendido, em assembleia municipal a realizar daqui a um ano (Set' 2011), antes da aprovação do orçamento camarário para 2012.

Ninguém lhe irá fazer promessas que não sabe se poderá cumprir daqui a um ano! Quando lá chegarmos logo veremos que condições existem e de que meios disporemos para enfrentar o "bicho"!

Por isso lhe aconselho! Mantenha-se calmo e sereno e aguarde! Não vale a pena morrer de véspera porque não lucra nada com isso!

Entretanto tenha um natal feliz!

Armação de Pêra em Revista

Visite as Grutas

Visite as Grutas
Património Natural

Algarve